Mamma Mia! Lá Vamos Nós de Novo | Crítica Vamos nos apaixonar novamente?

Mamma Mia 2 Woo Who Crítica

Após dez anos desde Mamma Mia chegou aos cinemas, somos levados de volta à paradisíaca ilha grega onde Donna (Meryl Streep/Lily James) construiu sua vida, e criou Sophie (Amanda Seyfried). Nessa sequência, acompanhamos Sophie em sua missão de reabrir o hotel de sua mãe, contando com a ajuda de amigos próximos como o Fernando Sienfuegos (Andy Garcia), e Sam (Pierce Brosnan/Jeremy Irvine) um dos três pais de Sophie. Entre os convidados para a festa estão as melhores amigas de sua mãe, Tanya (Christine Baranski/Jessica Keenan Wynn) e Rosie (Julie Walters/Alexa Davis), além de seus pais, Harry (Colin Firth/Hugh Skinner) e Bill (Stellan Skarsgård/Josh Dylan). O filme dirigido por Ol Parker e conta ainda com a presença da maravilhosa Cher no elenco.

Após vários meses de especulações e teorias, finalmente está na hora de descobrir do que realmente se trata a trama de Mamma Mia! Lá vamos Nós de Novo, um longa que tem por obrigação agradar os fãs de seu antecessor. A história se divide em contar a trajetória atual de Sophie e o passado de Donna, nos fazendo conhecer melhor cada um dos pais de Sophie, com uma riqueza maior de detalhes. Como era de se esperar, uma boa parte da carga emocional fica por parte das canções, que servem como um condutor para os acontecimentos e colaboram para boas resoluções. Ol Parker consegue trazer de volta para as telas, parte do que Phyllida Lloyd conseguiu adaptar do musical de Catherine Johnson, restabelecendo a paixão dos fãs pela obra.

Como previsto, o elenco é um show a mais, é impressionante observar como cada personagem é representado com uma naturalidade que passa a ideia de que os atores estão muito confortáveis em seus papéis. Uma escolha brilhante de elenco surpreende os espectadores quando as versões jovens dos personagens já estabelecidos são vistos em tela, com destaque para Lily James que conseguiu externar cada trejeito conhecido de Donna, e por consequência da Meryl Streep, criando momentos emocionantes.

Embora algumas ausências criem um peso presente em todo o filme, ao observar como a história é desenvolvida, o espectador se vê em uma explosão de cores, músicas, e referências, que prestam uma homenagem ao trabalho anterior. Infelizmente, o pouco tempo de tela de Meryl Streep é inversamente proporcional ao efeito que ela causa dentro do filme.

Mamma Mia! Lá Vamos Nós de Novo chega aos cinemas no dia 2 de agosto. Não esqueça de sair apenas quando todas as luzes estiverem acesas, pois o filme possui uma divertida cena pós créditos.

Para mais informações sobre Mamma Mia! Lá Vamos Nós de Novo, curta e siga nossas Redes Sociais.